Como cuidar de seu carro blindado?

O alto índice de crimes no Brasil é um fator que gera muita insegurança para os proprietários de veículos. Hoje, estima-se que ocorre um roubo ou furto de carro a cada um minuto no país. Com isso, a procura pela blindagem automotiva tem crescido. Isso porque ter um carro blindado é garantia de mais segurança ao motorista e aos demais ocupantes do veículo.

Entretanto, muitos não sabem que veículos blindados necessitam de cuidados especiais para assegurar a máxima proteção garantida pelos materiais instalados e a durabilidade dos componentes.

Se você deseja saber mais sobre os cuidados necessários para que seu carro blindado tenha sempre ótimo desempenho, continue a leitura.

1. Cuide bem de seus vidros

Os vidros blindados são diferentes dos convencionais e, portanto, exigem cuidados especiais para não sofrerem danos. 

Como apresentam materiais plásticos em sua face interna, para limpá-los, recomenda-se utilizar apenas um pano macio, limpo e úmido. Quando houver muita sujeira, pode-se usar água com sabão neutro para esfregar delicadamente — mas nunca solventes ou produtos derivados de petróleo.

Confira outras dicas para manter seus vidros intactos por muito tempo:

  • Só movimente seus vidros quando o motor estiver ligado, para que o motor da máquina não seja prejudicado.
  • Nunca deixe objetos soltos no painel: eles podem causar riscos na superfície do vidro.
  • Evite jogar água fria nos vidros para evitar choque térmico.
  • Não feche as portas com os vidros abertos, pois isso pode ocasionar trincas.
  • Para evitar o desgaste do mecanismo de acionamento, lubrifique as pestanas e canaletas que têm contato com os vidros utilizando spray de silicone.
  • Nunca coloque ventosas, películas automotivas ou decalques na parte interna dos vidros, pois podem manchar a superfície.

2. Fique atento à manutenção

Com a blindagem, o carro sofre um aumento considerável de peso — o que varia conforme o sistema utilizado. Por isso, é preciso revisar constantemente algumas partes que podem ter maior desgaste.

Um exemplo são os pneus. Após a blindagem, é importante perguntar para a empresa que efetuou o serviço a periodicidade com a qual eles devem ser checados. Além disso, deve-se ficar atento quanto à necessidade de trocá-los.

O amortecimento e os freios, itens indispensáveis para o bom funcionamento do veículo, também são afetados com o aumento de peso. Por isso, recomenda-se fazer revisões com mais frequência (a cada 10 mil km percorridos), a fim de verificar se há necessidade de troca.

3. Invista em um seguro

Assim como os demais carros, os blindados devem ter seguro para que você possa se prevenir de possíveis problemas. Fique atento: diferentemente das convencionais, as seguradoras de veículos blindados devem ter autorização do Exército. Além disso, o valor do seguro é diferenciado nesses casos.

Ter um carro blindado é uma excelente alternativa para quem busca tranquilidade e segurança ao dirigir. Contudo, para mantê-lo em perfeito estado e garantir sua proteção máxima, é necessário tomar alguns cuidados, especialmente com os vidros, que podem sofrer danos. Além disso, é importante ficar atento à manutenção e fazer revisões com mais frequência.

O que achou de saber mais sobre os cuidados com carros blindados? Se este conteúdo foi útil para você, compartilhe-o em suas redes sociais e ajude outras pessoas que precisam conhecer melhor o assunto.

Post criado 42

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo